Olá, seja bem-vindo (a)!
Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
NOTÍCIAS
09-11-2017 | 09:31
Prefeitura de VG e Caixa reafirmam parceria por obras e PPPs para resíduos sólidos
Prefeita Lucimar Sacre de Campos fez pedido a João Regis Magalhães, superintendente Executivo de Negócios de Governo da Área A, que envolve os Estados do Centro Oeste e do Norte do Brasil, durante visita.

Secom-VG

Várzea Grande reforçou o pedido de novos empréstimos junto à Caixa Econômica Federal (CEF) para obras de infraestrutura urbana como pavimentação asfáltica, contratação de consultoria para elaboração de Parceria Público Privada (PPP)  para destinação de resíduos sólidos (lixo), saneamento básico e retomada das obras de casas próprias que somam cerca de R$ 500 milhões.

O pedido foi feito pela prefeita Lucimar Sacre de Campos para João Regis Teófilo Magalhães, superintendente Executivo de Negócios de Governo da Área A, que envolve os Estados do Centro Oeste e do Norte do Brasil e que fez uma visita oficial de aproximação da gestão municipal com a instituição financeira oficial.

“Queremos e vamos continuar com nossa parceria com o município de Várzea Grande e se possível vamos avançar para outras áreas”, disse João Regis Teófilo de Magalhães que juntamente com Ubiratan Alves de Freiras, gerente de filial, foram recebidos pela prefeita Lucimar Sacre de Campos, pelo secretário de Assuntos Estratégicos, Jayme Veríssimo de Campos e pelos assessores especiais, Olindo Pazinato Neto e Manoel Terezo.

Lucimar Sacre de Campos lembrou que Várzea Grande tem capacidade de endividamento e já pleiteia R$ 150 milhões para obras de pavimentação asfáltica em 25 bairros que serão pagos em até 30 anos e está com suas Certidões Negativas de Débitos - CND’s corretas.

“Fora isto, nossos projetos estão prontos e aguardando apenas manifestação do Ministério das Cidades”, explicou a chefe do Poder Executivo Municipal, reafirmando a execução das obras do Programa de Aceleração do Crescimento - PAC que investem até 2021, quase R$ 500 milhões em obras de infraestrutura basicamente em água e esgoto.

Foi apresentada a prefeita duas instruções normativas de números 38 e 39, publicadas no Diário Oficial da União - DOU na data de 06 de novembro passado, que tratam dos Programas Avançar Cidades e Pró-Transportes para obras de infraestrutura e mobilidade urbana e onde será inserido o projeto de empréstimo no valor de R$ 150 milhões já pleiteado pelo município desde 2015 e aguardando aprovação final para então promover a licitação e a execução das obras.

“Vamos reforçar nosso pedido para o ministro Bruno Araújo que tem sido um importante aliado e parceiro de Mato Grosso e de Várzea Grande, além de solicitar o empenho dos deputados federais e senadores para que nosso pleito seja apreciado e aprovado ainda neste ano e em 2018 lançar licitação e se possível a contratação para que as obras se tornem uma realidade”, disse o secretário Jayme Veríssimo de Campos que é ex-prefeito, ex-senador e ex-governador de Mato Grosso.

A equipe técnica de Várzea Grande vai atuar em varias frentes junto com a Caixa Econômica Federal, buscando linhas de Financiamentos para a  Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), voltadas para o setor público e privado, em investimentos para a infraestrutura, no Avançar Cidades e no Pró-Transportes.

Apesar de considerar como fundamental os recursos para a execução das obras essenciais, Lucimar Sacre de Campos assinalou que vê como imprescindível a contratação da consultoria da Caixa Econômica Federal para formalização da Parceria Público Privada de Resíduos Sólidos e Saneamento Básico.

“Já estamos com nosso Plano de Saneamento Básico Municipal aprovado e com a futura consultoria da CEF iremos construir uma solução definitiva para a correta coleta e destinação do lixo orgânico produzido em toda a cidade”, disse a prefeita apontando que essa ação agregada às obras do PAC que estão em execução e a definição da política de saneamento, dentro de uma PPP - Parceria Público Privada, vai assegurar mais qualidade de vida para a população e transformar Várzea Grande em uma cidade melhor para se viver.

Outros investimentos que foram assegurados dizem respeito a retomada das obras de habitação que se encontravam paralisadas. Já foram autorizadas obras de 2.424 casas dos residenciais Colinas Douradas I e II e do Santa Bárbara I, II, III, IV e V que somam mais de R$ 150 milhões em recursos aplicados.

Em maio passado, foi inaugurado o Residencial São Benedito com 1.281 casas, com a presença do ministro Bruno Araújo. “Essa inauguração, mais a retomada das obras paralisadas, colocam Várzea Grande como um dos municípios com maior volume de obras de habitações no Brasil”, disse o secretário Jayme Veríssimo de Campos.

A prefeita sinalizou que todas as obras e ações em parceria com a Caixa Econômica Federal levam em consideração a necessidade da política social em prol da população mais humilde e  que necessita por exemplo de água, esgoto, asfalto e casas.

“São obras que aquecem a economia de Várzea Grande e de Mato Grosso, geram expectativa de futuro e principalmente ampliam a oferta da mão de obra e das vendas no comércio e na indústria”, disse a prefeita de Várzea Grande frisando que todo este empenho e dedicação dos gestores públicos, está voltado para assegurar a dignidade das famílias em terem um lar para morar, uma casa que represente a segurança e a felicidade de todos

Secom-VG
Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso (Sinduscon-MT)
Avenida Tancredo Neves, 93 - 2· andar - Bairro Jardim Petrópolis - Cuiabá (MT)
CEP 78070-122 - Fone: (65) 3627-3020
Anuncie - Política de Privacidade
2014 -Todos os Direitos Reservados
V3 Agência Web