Olá, seja bem-vindo (a)!
Terça-feira, 13 de Novembro de 2018
NOTÍCIAS
CLIPPING

12-02-2015 | 09:26
Anúncio da CAB Cuiabá informa reajuste no próximo mês
Majoração da tarifa de água e nos serviços complementares de 8,99%m não foi validado pela Prefeitura de Cuiabá

Concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto da capital, CAB Cuiabá anunciou o aumento de 8,99% na tarifa de água e serviços complementares. De acordo com a tabela, o reajuste entra em vigor a partir do dia 15 de março, mesmo ainda estando em análise pela Agência Reguladora de Água e Esgotamento Sanitário (Amaes) e não tendo sido aprovado pelo prefeito Mauro Mendes.

A tabela destes serviços apresentam valores que vão de R$ 2,47 (análise de projeto de rede de esgoto por lote) a R$ 1.809,96 (ligação de água de até dez metros cúbidos com material fornecido pela concessionária e sem recomposição asfáltica).

No mesmo período do ano passado, a CAB informou o aumento de 14% sobre os serviços e em 2013 chegou a apresentar à Prefeitura de Cuiabá um reajuste de 19,98%. Porém, a gestão municipal entendeu que o aumento não condizia com a realidade da cidade e na mesma época, o governo federal concedeu redução na tarifa de energia, item que constava na planilha de custos da empresa e ocasionou a queda da tarifa de água em 0,92%.

Procurador-geral do Município, Rogério Gallo confirmou que haverá o reajuste e informou que tramita na Amaes um pleito movimento pela concessionária, porém desconhece números e início da validação do aumento. "O reajuste é uma cláusula contratual, todos aos anos acontecerá enquanto a CAB for responsável pelo serviço de água e esgoto. A agência reguladora está realizando uma análise técnica dos valores e após a aprovação destes, a tabela será encaminhada para a sanção do prefeito".

Para se ter uma ideia dos valores estabelecidos no último reajuste em comparação com o deste ano, o serviço de ligação de água de até 10 m3 por hora com material fornecido pela concessionária sem recomposição asfáltica passou de R$ 688,47 para R$ 743,82. Em se tratando da cobrança referente ao consumo, uma casa que gastava até 50 m3 de água pagava por mês R$ 284, e passará a pagar R$ 309,50. Enquanto uma ligação comercial, onde o consumo médio era de 15 metros cúbicos de água por mês pagava R$ 79,80, passará a pagar R$ 87.

OUTRO LADO - A assessoria de comunicação da CAB Cuiabá disse que não iria se proununciar sobre o reajuste.

 

 

Elayne Mendes, jornal A Gazeta
Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso - Sinduscon-MT
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193, Centro Político Administrativo
Centro Sindical do Sistema FIEMT - Cuiabá-MT - CEP: 78049-940 - Tel.: (65) 3627-3020
Anuncie - Política de Privacidade
2014 -Todos os Direitos Reservados
V3 Agência Web